O MELHOR DO PSYTRANCE

VOCÊ ENCONTRA AQUI!

Enciclopédia do Psytrance- Carreira #32: Ritmo

Com a ideia de explorar mais a fundo o mundo do Psytrance, nós da  BPM resolvemos criar a Enciclopédia do Psytrance, para apresentar nosso olhar sobre diversos temas ligados a cena.

Enciclopédia do Psytrance tem o formato de resenhas em série, com um novo texto todas as sextas-feiras. Primeiro falaremos sobre os projetos e carreiras de DJ’s. Hoje exploramos um pouco mais da história de Ritmo.

Para visualizar outros textos da nossa Enciclopédia do Psytrance, basta clicar aqui.

Origem

Dubi Dagan é o nome por trás do projeto Ritmo. Nascido em Tel Aviv, Israel, desde pequeno ele já se mostrava interessado em música. O contato com a música se iniciou através do heavy metal durante a sua adolescência, em Krayiot, Israel, onde estimulou seu lado musical tocando guitarra. 

Em sua adolescência, na década de 80, ele entrou em contato com bandas de New Wave, como Depeche Mode e com um dos pioneiros na música eletrônica, Jean Michel Jarre. Durante os anos 90, Dubi “entrou de vez” na onda de estilos eletrônicos que estava crescendo pelo mundo todo, virando fã de The Prodigy e The Chemical Brothers.

Realizando viagens pelo mundo, em 1998 entrou em contato com a cena trance ao viajar por países como Índia, Japão, Estados Unidos e outros. A partir daí, decidiu investir no estilo, dando seus primeiros passos como DJ tocando como residente do Luna Club, em Haifa (Israel). Gostando cada vez mais do estilo, Dubi decidiu direcionar o seu dom musical para produções próprias de psytrance, criando o projeto Ritmo, em 2005

O israelense afinou os seus conhecimentos de som trabalhando como engenheiro de áudio no estúdio DubiDub, empresa de dublagem de televisão e cinema. Experimentando diversas “fórmulas” em busca do seu som perfeito, ele buscou transformar os momentos da vida em uma criação progressiva de trance. O resultado foi um estilo próprio, com ritmos bem dançantes, basslines muito bem construídas, drops enérgicos e uma progressão muito bem definida. Segundo ele próprio, seu estilo é a “transcrição musical do ritmo dos nossos corpos e almas”. 

Em 2007, de volta a Tel-Aviv, Ritmo juntou-se a gravadora Iono Music e, cerca de um ano depois, lançou sua primeira compilação, “Grand Slam”. Em 2008, lançou o seu primeiro álbum, “Disharmonic Silence”,  um sucesso tanto local quanto global que lhe garantiu bastante popularidade. 

Após o lançamento do primeiro álbum, o descanso acabou para ele, foram diversas colaborações e performances pelo mundo todo. Em 2009, Ritmo lançou o álbum “Archive 9”, com faixas de outros artistas mixadas por ele e faixas dele mixadas por outros artistas, o lançamento foi muito bem avaliado na época. Em 2010, Dubi lançou o EP “Music From Heaven”, na Blue Tunes Records, gerando sete interpretações para a música tema do álbum.

Sucessos

Em 2011, lançou o álbum “Phrase A”, com sucessos como “Follow Me”. Em 2013, veio o álbum “Phrase B”, que teve como destaque as músicas “The Truth”, “At The Beginning” e “The Way We Are”. Ganhando cada vez mais destaques pela bassline perfeita, com drops agressivos e, ao mesmo tempo, muito dançantes, Ritmo foi construindo uma imagem única e “brincando” cada vez mais com os timbres, efeitos e progressões em suas músicas. 

Porém, foi com seu álbum mais recente, em 2015, que ele foi colocado na imagem de referência que é até hoje quando se fala de progressive psytrance.

A verdade é que não tem música ruim no álbum “Adventures”, ele está recheado de faixas impecáveis, como “Immediate Moment”, música lançada em parceria com Sphera.  Outras de grandes destaques são “Ziran”, música feita em parceria com Astrix e “Biological Computer”, em parceria com Ace Ventura. Além de todos esses sucessos, o álbum ainda conta com “Be Right” (parceria com Liquid Soul), “Single Point” (parceria com Suntree), “Keep it Minimal” (parceria com Gaudium), “Spiritual Brain” e “All At Once”.

O astro ainda tem participação em vários outros sucessos, como “Agate” (em parceria com Astrix), “Deepest Level” e “Blend” (parceria com Animato), “Orchid” (parceria com Lifeforms), “Reborn” (parceria com Morten Granau) e “Inifinity” (parceria com Captain Hook). 

Ou seja, a lista de sucessos do cara é longa! Tudo o que ele produz é impecável, fruto de um trabalho árduo no estúdio.
Seu lançamento mais recente foi em Outubro deste ano, a música “Flow”. Atualmente Ritmo lança suas músicas através da Iboga Records ou da gravadora Perfecto.

Curiosidades

Ritmo uniu forças com Alon Brilliant (Suntree), criando o projeto Ritree, em 2008, o que lhe deu a oportunidade de brincar com batidas mais rápidas e psicodélicas. Além disso, também tem parceria com Gaudium, no projeto ArcticMusic.

Em entrevista para a DJ Mag Brasil, Dagan afirmou que tem um carinho muito grande pelo Brasil e pela América do Sul no geral, afirmando que seu estilo musical se encaixa bem com a vibração sentida por aqui. Sendo um admirador do clima e da comida brasileira, ele acumula diversas apresentações no continente, principalmente no Brasil, e também na Argentina

Já se apresentou em diversos festivais brasileiros, como Tribe, XXXPerience, Solaris, 303 Festival Art. Além de ser nome constante em grandes festivais europeus, como Ozora (Hungria), Indian Spirit Festival (Alemanha), Psy Fi (Holanda), Spirit Base (Austria), Fusion Festival (Alemanha) e muitos outros.

Com quase duas décadas na cena trance, Ritmo é um dos maiores nomes do psytrance mundial atualmente, e é uma das principais referências de progressive psytrance

Influências

O heavy metal o influenciou desde pequeno e, a partir da adolescência, nomes como Depeche Mode e The Prodigy se tornaram suas maiores influências musicais, se caracterizando pela introdução de Ritmo ao mundo eletrônico. 

🎧 Acesse SoundCloud: Ritmo

RECOMENDADOS PARA VOCÊ

SIGA-NOS NO INSTAGRAM

QUER CONTEÚDO EXCLUSIVO? CADASTRE-SE NA HÏ BPM GOLD!

CONTATO

(11) 9 3455-5554 ADMINISTRATIVO

(11) 9 2001-9508 EDITORIAL

ONDE ESTAMOS

RUA VICENTE LEPORACE, CAMPO BELO, CEP: 04619-035 - SÃO PAULO - SP